102 News
Ao Vivo

abril 11, 2017

Bruna Marquezine admite não entender de futebol: ‘Só quando é gol ou Neymar cai’

‘Foram dois anos juntos e dois anos separados’, explicou ela sobre a relação com o namorado

2020609-bruna-marquezine-descarta-colocar-nome-d-950x0-2

Bruna Marquezine foi a primeira entrevistada do “Lady Nigth”, comandado por Tatá Werneck, no “Multishow”. No programa desta segunda-feira (10), a namorada de Neymar, que, aparentemente, curtiu show com a ex do jogador no final de semana, abriu um pouco sua intimidade no bate-papo com a amiga e falou sobre a relação, futebol e sua carreira na televisão.

BRUNA ADMITE NÃO SABER SOBRE FUTEBOL: ‘POUQUÍSSIMO’
No quadro “Não Vamos falar do Neymar”, Tatá, apontada como affair do ator Rafael Vitti, perguntou se eles passaram mais tempo namorando ou tentando se reaproximar. “Foram dois anos juntos e dois anos separados”, contou. Questionada se colocaria o nome dele em um filho ela descarta: “Jamais faria isso com quem eu gosto”. Em outro momento, a morena foi perguntada sobre linha de impedimento, mas admitiu não saber muito sobre as regras de futebol: “Pouquissimo, quando é gol ou quando o Neymar cai”.

 

ATRIZ DIZ QUE PAIS FORAM JULGADOS POR COMEÇAR NOVA NA TV: ‘ACHAVAM QUE ELE QUERIA MAIS QUE EU’
Bruna começou na televisão com apenas cinco anos e, em alguns momentos da carreira, foi questionada se esse era o caminho que queria pra vida. “Eu gostava muito. Criança não tem dimensão dessas coisas, mas eu gostava muito e foi isso, aliás, que fez minha mãe incentivar, apoiar, correr atrás dos cursos e dos testes. Mas acho que eu era muito nova para ter uma dimensão de escolher uma profissão e se era isso que eu queria isso pro resto da vida”, explicou. Em outro momento, disse que não sentiu pressão dos pais em ser atriz e que, sim, foi uma decisão dela. “Muitas pessoas julgam, até hoje, e perguntam: ‘Mas seus pais não queriam mais do que você?’ Muito pelo contrário, minha mãe deu o jeito dela em fazer minha vontade”, acrescentou.

 

NAMORADA DE NEYMAR TEM PRAZER EM TRABALHAR: ‘NÃO GOSTO DE FICAR PARADA’
Na conversa, ela falou sobre “Nada Será Como Antes” e exaltou sua última personagem na TV. “Estava terminando ‘I love Paraisópolis’ e me apresentaram a Beatriz e eu me apaixonei na hora. E aí foi um trabalho muito especial e bonito de fazer”. Mesmo planejando passar um ano afastada das novelas para estudar interpretação na Europa, a artista afirma gostar de atuar e fala da diferença entre fazer uma série e novelas. “Eu gosto muito de trabalhar, não gosto de ficar parada. Foi gostoso fazer a série, é muito legal fazer a obra fechada, você conhece o personagem do início ao fim, a trajetória dele que te dá a possibilidade de criar mais”, finalizou.

(Por Rahabe Barros) PurePeople.com.br