102 News
Ao Vivo

maio 11, 2017

Ludmilla põe isolamento acústico em salão de festas após polêmica com vizinhos

Funkeira está reformando a sua mansão na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro

2066529-ludmilla-esta-reformando-a-sua-mansao-na-950x0-3

Ludmilla está dando uma reforma geral na sua mansão na Ilha do Governador, na Zona Oeste. A funkeira decidiu aumentar a piscina e fazer um tratamento acústico no salão de festas, após uma vizinha reclamar do alto alto das comemorações da cantora. “Mandei quebrar tudo! Do jeito que sonhei. É uma casa nova, dos sonhos”, comemorou a intérprete de “É Hoje” ao gravar vários vídeos em sua conta de Instagram Stories.

 

‘SOU LOUCA POR PISCINA’, DISSE LUDMILLA
Em outros momentos, a funkeira explicou porque vai ter uma piscina maior. “Era muito rasa. Pedi para aumentar, afundar. Sou louca por piscina”, apontou ela, que comemorou seus 22 anos com festa indiana. Com a reforma, Ludmilla, dona de Porsche avaliado em R$ 400 mil, vai ter outras regalias à sua disposição como escritório e academia, além de quartos para ela e para a mãe. “Vai ter estúdio, sauna nova, salão de festa acústico. Vai ficar muito legal”, indicou.

 

CANTORA FOI ALVO DE COMENTÁRIO POLÊMICO NA TV
No início do ano, o apresentador Marcão do Povo, então contratado da Record TV Brasília, chamou a funkeira de “pobre macaca” e acabou demitido da emissora. Atualmente no SBT, o jornalista alegou que usou um vício de linguagem, negando ser racista, pediu desculpas para Ludmilla, mas alfinetou a cantora, alegando que ela vive de processos. No mês passado, a Record foi condenada a exibir mensagens contra o racismo por conta do comentário de Marcão, hoje apresentador do telejornal “Primeiro Impacto”.

 

LUDMILLA PROCESSOU VAL MARCHIORI
No carnaval do ano passado, a intérprete de “Sou Eu” teve o cabelo comparado a uma esponja de aço pela socialite durante o programa “Bastidores do Carnaval” (RedeTV!). Por isso, Val Marchiori acabou processada por Ludmilla, que pediu indenização de R$ 300 mil. “Quem é essa pessoa? O que eu fiz pra ela? O que ela fez pra chegar onde ela está? Tenho consciência de tudo que passei para chegar aqui, vim de baixo sim, mas lutei muito para chegar onde estou (…). Tenho muito orgulho da minha raça e não vai ser qualquer pessoa que vai me colocar pra baixo por puro preconceito. Ser chique é ter valor e não preço”, disse na época.

 

(Por Guilherme Guidorizzi) PurePeople.com.br