102 News
Ao Vivo

julho 24, 2017

Naiara Azevedo emagreceu para não operar joelho: ‘Não conseguia pisar no chão’

‘Fui no ortopedista e ele falou, ‘ou a gente faz uma cirurgia ou você emagrece”, relembrou a sertaneja no ‘Encontro’

2176902--fui-no-ortopedista-e-ele-falou-ou-a-g-950x0-3

Naiara Azevedo revelou que perdeu 33 kg no ano passado depois de receber um ultimato de seu ortopedista. Isso porque a sertaneja estava prestes a ser submetida a uma cirurgia no joelho. Em sua passagem pelo “Encontro com Fátima Bernardes”, nesta segunda-feira (24), a cantora relembrou que decidiu seguir uma dieta para não precisar fazer uma pausa na carreira: “Eu sentia muita dor no joelho. Meu show é muito animado, eu danço muito, faço show todo dia, então o sobrepeso por eu usar muito salto estava acabando comigo. Quando meu sangue esfriava eu não conseguia pisar no chão. Fui no ortopedista e ele falou, ‘ou a gente faz uma cirurgia ou você emagrece’. Como eu não podia parar, eu falei, vou fechar a boca”.

‘LUTO COM A BALANÇA DEMAIS’, ADMITE SERTANEJA
Apesar de manter a dieta após o emagrecimento, Naiara admitiu que sofre para continuar com o peso alcançado. “Durante um ano, eu perdi 33 kg. Foi muita academia, reeducação alimentar, força de vontade e determinação. Eu segui firme e consegui eliminar. Mas luto com a balança demais. Todo dia para mim é uma luta”, disse. A cantora, que faz exercícios durante os shows, contou que sua agenda de compromissos lhe atrapalha na dieta: “A estrada não nos permite ter uma alimentação maravilhosa, de comer nas horas certas, ter os alimentos corretos. Eu não durmo, viro três noites sem dormir, durmo três horas, cinco horas, depois viro mais dois dias acordada. Isso é péssimo. Não tenho o sono da beleza”.

 

‘EU NÃO GOSTO DE TOMAR ÁGUA’, CONFESSA CANTORA
Depois de surpreender ao afirmar que não gosta de escovar os dentesporque “sangra, machuca e incha”, Naiara entregou que um de seus maiores obstáculos na dieta é tomar água. “Fazia muita dieta e não conseguia emagrecer de jeito nenhum. Minha nutricionista falou para mim: ‘Naiara, quantos copos de água você bebe por dia?’. ‘Um, no máximo’. Depois comecei a tomar dois litros, dois litros e meio. Eu luto. Eu não gosto de tomar água. É uma dificuldade que eu tenho. Eu tomo empurrada, mas eu tomo, porque eu sei que é muito importante.”

(Por Tatiana Mariano) PurePeople.com.br